Home Cultura Ativa Sesc e Cultura
Sesc e Cultura

Sesc e Cultura

0
0

Já estão abertas as inscrições para os Prêmios Culturais promovido pelo Sesc, entre eles estão – Prêmio Sesc Contos Machado de Assis, Prêmio Sesc de Crônicas Rubem Braga e Prêmio Sesc de Pintura em Tela Cândido Portinari e Prêmio Sesc de Fotografia Marc Ferrez. Solte a imaginação e liberte o escritor e artista que há dentro de você!

Para mais informações acesse:

https://www.sescdf.com.br/inscricoes-abertas-para-os-premios-culturais-sesc-2017/

 

Bienal das Artes – Edição 2018

Você já pode se inscrever para a Bienal das Artes, que tem como objetivo promover, incentivar e divulgar a produção de expressões artísticas relacionadas às categorias de pintura, desenho, gravura, arte digital, fotografia, escultura e objeto tridimensional. O projeto, que está em sua segunda edição, foi concebido pelo Serviço Social do Comércio no Distrito Federal (Sesc-DF).

Cada artista pode concorrer em qualquer categoria com uma única obra de arte, inédita e original, de sua exclusiva autoria e propriedade. Até o dia 15 de dezembro o Sesc-DF vai divulgar o resultado com as obras selecionadas que farão parte da exposição Bienal das Artes – Edição 2018.  Serão selecionadas 80 obras de arte dentre as categorias para integrar a exposição pública. Os artistas terão total liberdade temática, admitindo-se todas as tendências e correntes estéticas. Aqueles que forem selecionados pela Comissão Curadora receberão diploma de menção honrosa e medalha alusiva à Bienal.

Saiba mais: https://www.sescdf.com.br/sesc-df-abre-inscricoes-para-bienal-das-artes-edicao-2018/

 

Prêmio Sesc

Estão abertas as inscrições para os Prêmios Culturais nas categorias que compreendem o Prêmio Sesc Contos Machado de Assis, Prêmio Sesc de Crônicas Rubem Braga e Prêmio Sesc de Pintura em Tela Cândido Portinari e Prêmio Sesc de Fotografia Marc Ferrez. Os escritores e artistas podem enviar o material até o dia 30 de junho. Cada participante pode inscrever até dois trabalhos inéditos e não publicados. O tema é de livre escolha.

Como forma de incentivar e estimular manifestações de artistas locais e nacionais, o Sesc-DF realiza anualmente os prêmios culturais nas áreas de literatura, pintura em tela e fotografia. O principal objetivo é revelar novos talentos, dar visibilidade aos criadores e situá-los no cenário artístico. Podem participar candidatos de todo o País, com exceção do Prêmio Sesc de Pintura em Tela, restrito a artistas do Distrito Federal.

Segundo a gerente do Sesc Estação 504 Sul, Cristina Nogueira, os Prêmios culturais do Sesc-DF, incentivam e valorizam a produção literária e revelam novos talentos da literatura brasileira. “Além de reforçar o prestígio institucional, o Sesc fomenta a produção e a profissionalização de novos escritores”, disse Cristina.

A premiação para o Prêmio de Literatura – Edição 2016 já esta com data marcada. No dia 4 de maio, no teatro do Sesc Estação 504 Sul – Espaço Cultural Ary Barroso, será a vez de celebrar os vencedores nas categorias Contos Infantis Monteiro Lobato e Poesias Carlos Drummond de Andrade. A divulgação dos resultados, no entanto, acontecerá no dia 3 de abril.

Teatro modernizado

Com o espaço totalmente revitalizado, o teatro da unidade Sesc Estação 504 Sul, mais conhecido como Teatro Sesc Ary Barroso, será o palco das premiações. Inaugurado em 25 de julho de 2003, o local é uma homenagem ao compositor pelo centenário de seu nascimento. De acordo com Cristina, o processo de modernização do teatro valoriza ainda mais a produção cultural da cidade. “O espaço cultural Ary Barroso, foi totalmente revitalizado e projetado para receber pequenas apresentações, visando promover ações culturais dos artistas, bem como oferecer um ambiente confortável a todos os frequentadores. Estamos no coração de Brasília oferecendo um serviço de excelência e qualidade”, destaca Cristina.

Para 2017, as datas do Prêmio Sesc de Pintura em Tela e Fotografia também foram divulgadas. As inscrições para participar dos concursos ocorrerá no período de 1 de março a 30 de junho de 2017. A divulgação dos resultados sairá no dia 6 de setembro.  Já as inscrições para o Prêmio Cultural de Literatura – edição 2017, nas categorias Contos Machado de Assis e Crônicas Rubem Braga, ocorrerão no mesmo período. No entanto, o resultado sairá no dia 25 de setembro.

 

Obras do brasiliense Josafá Neves chegam à Caixa Cultural

Mostra reúne esculturas, pinturas e gravuras selecionadas pelo artista. Entrada é franca

A CAIXA Cultural Brasília recebe a exposição Diáspora Africana do artista plástico Josafá Neves, a partir da próxima quarta-feira (22). O espaço reúne esculturas, pinturas e gravuras selecionadas pelo artista. São retratos de personalidades da cultura brasileira, representações do patrimônio imaterial da cultura afro-brasileira e símbolos da religiosidade de matriz africana. A entrada é franca.

A mostra trabalha a influência de povos negros que ajudaram a conformar a cultura brasileira. São retratos que fazem alusão à ancestralidade e aos mistérios desde os tempos da escravidão até os dias de hoje. Esculpidos em madeira estão orixás como Oxóssi, o senhor das florestas, e Xangô, o rei absoluto, senhor da justiça. Oxalá, com sua sabedoria ancestral, aparece retratado numa pintura em óleo sobre tela.

O artista também apresenta séries de pinturas em óleo sobre tela e pastel de personalidades fundantes da cultura nacional, como Pixinguinha, Milton Santos, Clementina de Jesus, Cartola, Elza Soares, Luiz Gonzaga, Gilberto Gil, Nelson Sargento, Itamar Assumpção, dentre alguns outros.

Neves trabalha visões fortes do transporte de africanos para serem escravizados. Em Navios Negreirosestão pinturas nas quais os escravos aparecem, algumas vezes, retratados como feras que disputam restos e seres sem identidade. A exposição conta também com dois painéis em pintura que exprimem o patrimônio imaterial da cultura negra no Brasil: Capoeira e Terreiro de Candomblé.

Será exposto, ainda, um grande painel afro-indígena, resultado das oficinas que Josafá Neves realiza com crianças e professores da educação básica de escolas públicas do Distrito Federal e com estudantes da Universidade Católica de Brasília.

O artista
Josafá Neves nasceu no Gama (DF) em 1971 e começou a desenhar aos cinco anos de idade. Mudou para Goiânia aos sete anos e começou a se dedicar integralmente às artes plásticas em 1996. Autodidata, sua pintura tem como peculiaridade as pinceladas negras, as quais expressam com firmeza seus sentimentos em traços distintos.

Conhecido internacionalmente, Neves se dedica há 20 anos ao ofício das artes. Durante esse tempo, participou de quinze exposições individuais e dezoito coletivas em cidades como Brasília, Goiânia, Havana – em Cuba –, e Caracas – na Venezuela. O artista percorre diversas técnicas, da escultura à gravura, colagem e pintura em óleo sobre tela, óleo sobre tela e pastel e acrílico sobre madeira.

Serviço
Diáspora – Josafá Neves
Local: Galeria Principal da CAIXA Cultural Brasília (SBS Quadra 4 Lotes 3/4)
Abertura: 21 de março, terça-feira, às 19h
Visitação: 22 de março a 14 de maio
Horários: de terça-feira a domingo, das 9h às 21h
Classificação indicativa: livre para todos os públicos
Entrada franca
Informações: (61) 3206-9448 e (61) 3206-9449
Patrocínio: CAIXA e Governo Federal
Produção: Carmem Moretzsohn | objetosim@gmail.com | (61) 98142-0111

_____________________________________________________ 

 

Lançamento:

 

LIVRO “CONSTITUIÇÃO, EMPRESA E MERCADO”

TEM DOWNLOAD GRATUITO NA INTERNET

 

BRASÍLIA, DF, BRASIL, 00-00-2016 Foto: Sérgio Lima / Epoca

Coordenada pela Jurista Ana Frazão, Obra

Aborda Arquitetura Jurídica dos Mercados

 

A Universidade de Brasília (UnB) acaba de lançar o livro “Constituição, Empresa e Mercado” em versão eletrônica. Sob coordenação da doutora em Direito Comercial Ana Frazão, a obra está disponível para download gratuito pelo link: http://www.gecem.ndsr.org/publications.html.

 

O conteúdo é o resultado de teses de mestrandos e doutorandos do Gecem – Grupo de Estudos Constituição Empresa e Mercado, da UnB. São 21 capítulos distribuídos em três temas:

– O papel do direito na conformação e regulação da empresa e dos mercados;

– Empresa, poder econômico e atividade econômica em suas dimensões organizacionais e funcionais;

– Empresa, tecnologia, comunicação e mercado.

 

“Esse livro é uma fonte útil de pesquisa e referência não apenas para acadêmicos, mas também para os profissionais do Direito. Embora tenham sido pensados e gestados em aulas de mestrado e doutorado da UnB, os textos têm a preocupação comum de unir teoria e prática, utilizando sofisticados referenciais teóricos para analisar problemas concretos, especialmente os que fazem parte da realidade brasileira”, explica a organizadora da obra, Ana Frazão.

 

A seguir, a relação completa dos capítulos que integram o livro:

– Direito antitruste e direito anticorrupção: pontes para um necessário diálogo
– Acordo de leniência no âmbito da lei anticorrupção
– A eficiência da camaradagem: os laços como requisitos da “eficiência” do capitalismo brasileiro
– Poder compensatório, função social e concorrência: um olhar individualizado sobre o cooperativismo
– Análise de impacto regulatório e economia comportamental
– Limites da relação entre direito e teoria econômica no controle antitruste
– Arbitragem, governança e poder econômico
– Governança corporativa das distribuidoras de energia elétrica
– Responsabilidade social empresarial
– Papel do MP na tutela jurisdicional coletiva do investidor no mercado de capitais brasileiro
– Indicações (a)políticas para conselhos de administrações das estatais
– Contratos associativos e fuga da regulação ambiental
– Fundos de investimento: influência nos mercados e mecanismos de responsabilização dos administradores
– Capitalismo de estado brasileiro: análise da transição regulatória no setor petrolífero
– Benefit corporations
– Novas fronteiras da empresa e joint ventures contratuais
– Remédios antitruste e penas no Direito Concorrencial
– Uber e proteção do trabalhador
– Tecnologia, novos serviços e direito
– A radiodifusão brasileira e o direito à comunicação
– O poder da comunicação e o Direito da Concorrência

 

 

LIVRO “CONSTITUIÇÃO, EMPRESA E MERCADO”

Download gratuito: http://www.gecem.ndsr.org/publications.html.

Coordenação: Ana Frazão – Doutora em Direito Comercial e Profa. Da UnB

Realização: GECEM (Grupo de Estudos Constituição Empresa e Mercado) – UnB

_____________________________________________________ 

Thaiza Murray culturaativadf@yahoo.com.br

 

LEAVE YOUR COMMENT

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

COLUNAS EM DESTAQUE

Powered by moviekillers.com