sexta-feira, 21 junho, 2024
More
    InícioCOLUNASCultura AtivaArtistas levam violão internacional, samba, MPB e sete cordas ao Choro Livre

    Artistas levam violão internacional, samba, MPB e sete cordas ao Choro Livre

    -

    Daniel Santiago, Ana Reis e Fernando César se apresentam no Complexo Cultural do Choro. Ana Reis – Foto de Juliana Caribé

    O grupo Choro Livre promove uma fusão de ritmos toda quarta-feira, a partir das 19h30, no palco do Clube do Choro, recebendo artistas de diferentes estilos tocando os mais variados instrumentos. O resultado é sempre música brasileira da melhor qualidade, moderna, inovadora e cheia de energia. Nesta quarta-feira (22), não será diferente. A noite conta com o violão de Daniel Santiago, a voz de Ana Reis e o sete cordas de Fernando César. Uma combinação que vai do choro ao jazz, passando pelo samba e a MPB, e promete agradar a gregos e troianos.

    O violonista Daniel Santiago foi apontado por Milton Nascimento como um de seus instrumentistas favoritos da nova geração. O aclamado compositor Guinga disse que ele faz uma música ao mesmo tempo “nostálgica e futurista”. E seu último álbum, “Song for Tomorrow”, lançado na Alemanha, contou com a participação de ninguém menos que Eric Clapton, que o convidou para duas edições do “Crossroad Guitar Festival”, nos Estados Unidos. Daniel também é compositor e produtor musical, e tocou em cinco discos indicados ao Grammy Latino.

    Com dois trabalhos lançados, o CD “Quisera Eu” e o DVD “Toda em Si”, a cantora e compositora brasiliense Ana Reis vai completar no ano que vem duas décadas de estrada. Ela transita com naturalidade pelo samba e pela música nordestina, portuguesa e cabo-verdiana.

    Já o violonista de sete cordas Fernando César possui mais de 40 anos de carreira. Inicialmente, ele integrou o grupo “Dois de Ouro” ao lado de seu irmão Hamilton de Holanda. Ao longo de sua trajetória, destacou-se não apenas como instrumentista, mas também como compositor, arranjador e professor. Fernando César é considerado uma referência no violão em Brasília.

    Com três CDs gravados e centenas de shows realizados, o Choro Livre é o mais duradouro e atuante regional de Brasília. Formado por Reco do Bandolim, Henrique Neto (violão de sete cordas), George Costa (violão de seis cordas), Marcio Marinho (cavaquinho) e Valério Xavier (percussão), o grupo já levou o choro da Capital Federal a 38 países dos cinco continentes e dividiu o palco com nomes como Paulo Moura, Sivuca, Dominguinhos, Paulinho da Viola, Hermeto Pascoal, Armandinho Macedo, Altamiro Carrilho e muitos outros.

    Sábado tem Ensaio Aberto no Parque e Piquenique Chorão no Complexo Cultural do Choro

    O Complexo Cultural tem dois programas para o lazer da família inteira neste sábado. Na área externa do Complexo Cultural do Choro, às 11h00 — antes da tradicional Feijoada Musical do Clube do Choro —, o educador, ator, bailarino e contador de histórias Marcelo Smyth faz a oficina “Corpo, Gestos e Movimentos”, para crianças de cinco a 12 anos. No mesmo horário, haverá um Ensaio Aberto com alunos e professores da Escola Brasileira de Choro no estacionamento 10 do Parque da Cidade.

    Pelo segundo ano, o projeto Complexo Cultural do Choro conta com o patrocínio master da Shell. “Um dos objetivos da Shell em seus patrocínios culturais é a preservação e a disseminação do legado da cultura brasileira”, diz Alexandra Siqueira, gerente de Comunicação Externa da Shell Brasil. “Com o Complexo do Choro estamos contribuindo para manutenção e conservação da música popular brasileira através desse gênero que se tornou Patrimônio Cultural Imaterial do Brasil.”

    Sobre a Shell Brasil:

    Há 111 anos no país, a Shell é uma companhia de energia integrada com participação em Upstream, Gás Natural, Trading, Pesquisa & Desenvolvimento e no Desenvolvimento de Energias Renováveis, com um negócio de comercialização no mercado livre e produtos ambientais, a Shell Energy Brasil. Aqui, a distribuição de combustíveis é gerenciada pela joint-venture Raízen. A companhia trabalha para atender à crescente demanda por energia de forma econômica, ambiental e socialmente responsável, avaliando tendências e cenários para responder ao desafio do futuro da energia.

    Confira a programação:

    Dia 22/05:

    19h30 – Choro Livre Convida

    Dia 25/05:

    11h00 – Ensaio Aberto (estacionamento 10 do Parque da Cidade)

    11h00 – Piquenique Chorão (área externa do Complexo Cultural do Choro)

    Serviço:

    Complexo Cultural do Choro de Brasília

    Dia: 22 de maio (quarta-feira) e 25 de maio (sábado)

    Endereço: Espaço Cultural do Choro – Setor de Divulgação Cultural – Eixo Monumental

    Telefone: (61) 3226-3969

    Acesso livre e gratuito

    Notícias Relacionadas

    DEIXE UMA RESPOSTA

    Por favor digite seu comentário!
    Por favor, digite seu nome aqui

    -Publicidade -spot_img

    Últimas notícias