1
0

Por: Talyta Machado – Nutricionista CRN/1 15591
Academia Bodytech – Setor Sudoeste Quadra 301/302, Lote 3
Instagram/Facebook: @talytamac

 

 

 

Qual o melhor óleo para cozinhar?

Quando se trata de alimentação, o nutricionista é um profissional capacitado para orientar e sanar dúvidas. Respondendo à pergunta, o que a ciência apresenta como óleo mais adequado para ser aquecido é o azeite de oliva extra virgem.

Isto é evidenciado em uma revisão publicada pela Associação Brasileira de Nutrologia no International Journal of Nutrology. A pesquisa, comandada pelo diretor do departamento de nutrologia pediátrica da Associação, Carlos Alberto Nogueira-de-Almeida, expôs que após o aquecimento (até 180°C), comparado com outros óleos vegetais (palma, milho, soja e girassol), este azeite apresentou alta preservação, com pequenas alterações no seu perfil, leve redução de suas propriedades antioxidantes e quase nenhuma formação de compostos tóxicos.

Ao comprar, fique atento a algumas informações presentes no rótulo. Saiba se está comprando azeite ou um produto que se assemelha a este, mas possui descrições como “elaborado com azeite” ou “mistura de azeite e óleo”. A lista de ingredientes deve conter apenas azeite em sua composição.  A embalagem deve ser de vidro e de cor escura, para conservação. Priorize o que foi produzido e envasado no mesmo país, pois com o transporte para envasamento pode haver incidência de luz e calor, degradando-o. A acidez do azeite extra virgem deve ser menor que 0,8%, porém, prefira aqueles com acidez menor, entre 0,5 e 0,4%.

Ao armazenar, siga as orientações: ao abrigo da luz e calor. Mesmo com a melhor opção, é importante evitar o excesso, priorizar preparações cozidas, assadas e grelhadas às frituras, evitar deixá-lo a altas temperaturas por muito tempo, não reutilizar, e também adicioná-lo cru às suas refeições. Uma dica para utilizá-lo é preparar uma mistura com ervas, desta forma você irá melhorar a qualidade nutricional do seu azeite. Esta preparação pode ser levada a fogo ou consumida crua. Em sua embalagem original, adicione ervas ao produto. Sugestões: tomilho, alho amassado, salsa e orégano.

Na dúvida, consulte um nutricionista.

(1)

Deixe o seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *