Início Enogastronomia O “Amarone”brasileiro
O “Amarone”brasileiro

O “Amarone”brasileiro

1
0

A Vinícola Luiz Argenta, considerada uma das mais belas do mundo e reconhecida por seus vinhos e espumantes diferenciados em aromas e design, tem um novo produto único no mercado nacional, o vinho Luiz Argenta Merlot Uvas Desidratadas.

A história do vinho

No ano de 2009, a Luiz Argenta foi agraciada com uma safra espetacular de sanidade perfeita, que permitiu ousar a criação de um novo produto a partir da seleção de cachos da variedade Merlot. Estas uvas foram colhidas e colocadas em esteiras para desidratarem naturalmente por 43 dias no antigo casarão da propriedade. Foram no total 1.500Kg de uva, que após a desidratação resultaram em 1.000 Kg de uva, sendo que cada 1 Kg destas uvas desidratadas foi possível elaborar apenas 300ml de vinho. Posteriormente as uvas passaram pelo processo de vinificação por gravidade e amadurecimento durante 36 meses em barricas de carvalho francês de segundo uso. Estas barricas foram escolhidas pela necessidade de micro oxigenação lenta e por um período prolongado durante o processo.

Este vinho foi inspirado na produção dos Italianos Amarones, típicos da região de Vêneto,.

 

Com o objetivo de manter informado os mantes do vinho, convidei quatro amigos de classe que cursam comigo o primeiro MBA em sommellier do Brasil (FISAR – Federazione Italina Somelier Albergatori Ristoratori, em parceria com a Universidade Caxias do Sul) para realizarmos uma degustação e avaliação profissional do vinho. São quatro alunos de diferentes Estados e profissões, afim de obter uma avaliação imparcial. Jaime Oliveira reside no estado da Bahia e é pró-reitor da Universidade Batista Brasileira, Mateus Galiotto é gestor e herdeiro da maior vinícola de Flores da Cunha, Valdemir Farias é empresário do ramo de tecnologia em Recife e WSET nível 3 em vinhos e destilados, Nelson Peixoto é promotor de justiça do estado de São Paulo e Juiz internacional de vinhos FISAR.

Análise organoléptica sensorial do vinho

Cor: Rubi intenso e límpido.

Aroma: Aromas complexos que lembram compota de frutas vermelhas, ameixa seca e pimenta.

Sabor: é um vinho encorpado, apresenta um bom volume em boca, taninos macios e boa acidez.

Sugestões de harmonização: este é um vinho de meditação, deve ser servido entre 16 e 18c, harmoniza com ragu, pernil de javali e queijos pecorino duro.

O vinho agradou e surpreendeu positivamente, vale apena conhecer. Foram produzidas apenas 600 garrafas deste produto que é inédito no país. O lançamento foi em Agosto de 2014, é possível encontrar este produto exclusivo em embalagens individuais na boutique virtual da vinícola – www.boutiqueluizargenta.com.br.

 

 

 

(1)

Deixe o seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *