Início Arquitetura & Construção Pregão de Guerra da PaulOOctavio tem recorde de vendas
Pregão de Guerra da PaulOOctavio tem recorde de vendas

Pregão de Guerra da PaulOOctavio tem recorde de vendas

15
0

Mais de 30 imóveis foram comercializados no maior evento do mercado imobiliário

O Pregão de Guerra da PaulOOctavio fez história em Brasília. Realizado no último sábado, das 8h às 22h, o maior evento do setor imobiliário de Brasília levou muitos clientes à Central de Vendas da empresa, na Asa Norte. Destes, 31 compraram seu imóvel novo, com preços especiais e condições de financiamento inéditas no mercado, em 12 empreendimentos prontos, em construção ou na planta.

Para agilizar o atendimento e as negociações durante o dia, foram formadas diferentes equipes, com a participação de profissionais de todas as áreas da PaulOOctavio. A sinergia da empresa e o formato de vendas elaborado pelo Grupo Alexandre Jacques foram fundamentais para o sucesso da ação, segundo Paulo Octavio. “Para nós, foi muito gratificante ver a força de trabalho da empresa voltada para realizar o sonho dos nossos clientes. Isso mostra o que é mais importante: a harmonia em torno de fazer o bem para quem nos procura”, destacou.

Segundo do diretor comercial da PaulOOctavio, Pedro Ávila, o Pregão foi uma oportunidade única para adquirir imóveis da empresa a preços especiais. “Aos preços convidativos e à grande qualidade construtiva da PaulOOctavio nós agregamos uma nova maneira de vender. Os clientes saíram daqui satisfeitos com o que viram e felizes com a compra que fizeram”, avalia.

O maior pregão imobiliário da história da capital tinha uma decoração de guerra, dentro do formato criado pelo Grupo Alexandre Jacques. Aplicado primeiramente na Bali Automóveis, maior concessionária Fiat do País, teve mais de 400 automóveis vendidos nas duas edições. Além dessa estratégia, o evento agregou bancos para conceder financiamentos com juros promocionais, permitindo aos clientes uma agilidade única na hora de comprar seu apartamento novo.

(15)

Deixe o seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *