quarta-feira, 17 julho, 2024
More
    InícioDestaquesCirurgia robótica já é realidade para pacientes do Hospital Anchieta

    Cirurgia robótica já é realidade para pacientes do Hospital Anchieta

    -

    Já foram realizados três procedimentos e os resultados confirmam os benefícios da nova tecnologia

    O programa de cirurgia robótica do Hospital Anchieta, inaugurado em 18 de junho, já está em franca atividade. Das dez cirurgias programadas com a nova tecnologia, três foram realizadas com êxito absoluto. As demais estão em fase de agendamento para acontecerem até julho. A primeira cirurgia robótica foi feita no dia 25 de junho, a intervenção foi para um tumor de rim e o paciente teve alta em menos de 24 horas depois do procedimento.. A primeira cirurgia robótica foi feita no dia 25 de junho, para retirada de um tumor de rim e o paciente teve alta menos de 24 horas depois do procedimento.

    A segunda e terceira cirurgias foram para outro tumor de rim e um para tumor de pâncreas, ambas realizadas no dia 26 e os pacientes também estão recuperados. De acordo com o urologista e coordenador do serviço de Cirurgia Robótica do Hospital Anchieta, Rafael Maurmo, a recuperação de uma cirurgia tradicional (sem uso da técnica robótica), geralmente demanda um período mais longo, com maior tempo de internação, mais uso de drenos e com a recomendação de até três dias no hospital.

    “Em relação ao corte da cirurgia, quando se compara às cirurgias mais antigas onde eram feitos cortes grandes, não há dúvida que o procedimento robótico gera mais benefícios. Em relação ao tempo de cirurgia, os cirurgiões experientes conseguem diminuir significativamente o tempo de cirurgia quando se usa a plataforma robótica e o paciente é o maior beneficiário dessa tecnologia”, ressalta o coordenador.

    Tecnologia robótica

    A tecnologia robótica empregada na medicina repete os movimentos do cirurgião, refinando esses movimentos e garantindo uma melhor precisão além de oferecer para o cirurgião uma visão em três dimensões e com uma definição muito maior.

    De acordo com Rafael Maurmo, esse tipo de cirurgia traz inúmeros benefícios para os pacientes. “Cortes menores, menos sangramentos, menor dor pós-operatória e menor tempo de internação são apenas alguns deles”, explica o cirurgião. Mas, além disso, essa é uma cirurgia mais eficiente, com movimentos mais precisos e uma visão tridimensional.

    “Atualmente, a especialidade que mais usa cirurgia robótica é a urologia”, pontua o especialista. Ele explica que os movimentos mais precisos, especialmente na retirada do câncer de próstata, diminuem as complicações mais temidas: a incontinência urinária (perda de urina involuntária) e a impotência sexual.

    “A tecnologia que está sendo oferecida para os pacientes da região de Taguatinga, para a população da região é o que há de mais moderno no mundo em relação à cirurgia minimamente invasiva. Estamos oferecendo aqui a mesma cirurgia que é realizada em São Paulo ou nos Estados Unidos. Então a gente pode oferecer para a nossa população o que há de melhor no mundo nesse tipo de cirurgia”, concluiu o Dr. Rafael Maurmo, urologista e coordenador do Serviço de Cirurgia Robótica do Hospital Anchieta.

    Notícias Relacionadas

    DEIXE UMA RESPOSTA

    Por favor digite seu comentário!
    Por favor, digite seu nome aqui

    -Publicidade -spot_img

    Últimas notícias